20 de janeiro de 2013

Relato: Travessia da Serra da Bocaina de oeste a leste pela trilha do Rio Guaripu

A travessia da Serra da Bocaina, conhecida também como Trilha do Ouro que liga São José do Barreiro a Mambucaba, em Angra dos Reis no sentido norte-sul (relato aqui) é uma daquelas clássicas caminhadas que todo bom caminhante deveria fazer, mas nessa serra não existe somente essa.
Podemos citar também a Trilha dos 7 Degraus (relato aqui), o Pico do Tira Chapéu, a Pedra da Bacia (relato aqui) e muitas outras, mas existe uma travessia que cruza o Parque Nacional de oeste a leste por um longo trecho de mata fechada, conhecida também como a outra Trilha do Ouro.




Foto acima mostrando um trecho original da trilha com calçamento de pedras construído pelos escravos



Fotos dessa caminhada: clique aqui





É a travessia da Serra da Bocaina pela trilha do Rio Guaripu, que se inicia em Campos Novos (distrito pertencente ao município de Cunha/SP) e segue quase que de oeste a leste, finalizando na Cachoeira do Veado e se encontrando com a tradicional Trilha do Ouro.
A partir daqui é possível descer a serra e finalizar em Mambucaba - Angra dos Reis, mas como eu já tinha feito a Trilha do Ouro tradicional em 2003, dessa vez escolhi terminar em Arapeí/SP e para essa trip, em pleno mês chuvoso de Janeiro de 2013, chamei velhos amigos de trilha: o Rodrigo e sua namorada Rosana e o Celestino (trilheiro que já tinha trocado inúmeros e-mails).
Já contava que pegaríamos chuva pelo caminho, mas não sei se foi sorte ou azar, pois pegamos dias de muito Sol.
Marcamos com antecedência para iniciar a trip no dia 05 de Janeiro (Sábado) e terminá-la possivelmente uns 3 ou 4 dias depois e no dia marcado todos nós 4 se encontramos no Terminal Tietê pouco antes das 06:00 hrs para embarcar em direção a Guaratinguetá.
Com o ônibus relativamente vazio deu para cochilar por um bom tempo e por volta das 08h30min já estávamos chegando na Rodoviária de Guará.
Aqui compramos as passagens para Cunha para o horário das 09:00 hrs pela empresa São José, levando cerca de 1 hora até lá e assim que desembarcamos na pequena Rodoviária, subimos por uma pequena ladeira até sair em frente a um ponto de táxi.
Acertado o valor com um taxista, seguimos de Uno por cerca de 30 Km até o distrito de Campos Novos por estrada asfaltada e em bom estado, onde chegamos por volta das 10h50min, ao lado da Igreja N. Sra dos Remédios.